Televendas: (54) 3421-2300
Whatsapp: (54) 99107-1264
RESERVAS DAS
08h às 18h
CHAME NO
WHATSAPP
PASSEIOS

Vai para Gramado em novembro? Fique atento às melhores dicas

Confira tudo o que você pode fazer na bela cidade de Gramado em Novembro. 

Gramado RS

Junte as palavras chalé, montanha e inverno e você logo lembrará da cidade preferida dos amantes da região sul: Gramado, cidade na Região das Hortênsias da Serra Gaúcha.

Caso os alemães tivessem colonizado o Brasil, provavelmente, o país teria alma europeia por completo, tal como Gramado, emancipada em 1956.

Conheça muito mais sobre Gramado – RS:

Colonizada por alemães, em 1873, a cidade ganhou toques gaúchos, mas ainda parece um pedaço da Alemanha ou até mesmo da Itália. Os italianos, aliás, também passaram por lá.

Parece uma vila dos Alpes Suíços com os mesmos padrões de infraestrutura e segurança de cidade grande.

Verdade: Gramado atrai turistas nos meses de inverno. Mas não venha dizer que em novembro o movimento é fraco.

Até porque, em novembro, a temperatura é mais agradável para a prática de rafting. Em especial, na região de Três Coroas, localizada a 24 quilômetros a sul de Gramado.

Pelas ruas caminham apenas 35 mil moradores, orgulhosos com o alto Índice de Desenvolvimento Humano (0.841) da cidade.

No mês que antecede as luzes de Natal, os belos vales e montanhas verdes (além, é claro, do saboroso fondue) em Gramado também são convidativos.

“No alto da serra gaúcha, num verde planalto ondulado, vislumbra-se em meio aos outeiros, o velho e bem quisto Gramado”, confirma o hino da cidade.

O que fazer em Gramado no mês de Novembro

pontos turísticos de gramado aldeia do papai noel

Vale do Quilombo / Fonte: gramadoinesquecivel.tur.br

Os pontos turísticos de Gramado recebem todo mundo de braços abertos em qualquer época do ano.

Como a gente sabe disso? Partimos rumo às terras gaúchas para conferir as melhores atrações da cidade para quem viaja em novembro.

Clima hollywoodiano

Para este mês, como já não está mais tão frio, a dica é andar sem rumo e conhecer a cidade sem compromisso.

Comece pela Avenida Borges de Medeiros, número 2697, no Palácio dos Festivais (www.festivaldegramado.com.br). Famosíssimo ponto turístico de Gramado, o Palácio dos Festivais – o Cine Embaixador – tem um quê hollywoodiano.

No tapete vermelho do Palácio, no mês de agosto, passam artistas para receber o Kikito de Ouro durante o Festival de Cinema.

No mesmo endereço, você pode experimentar os produtos típicos da região. Basta ir até a Praça das Etnias, onde fica a Casa do Colono. Cucas e pães fazem sucesso por lá.

Fotografando Gramado

Aproveite que os dias estão ensolarados, no mês de novembro, para fotografar.

A Praça Major Nicoletti, reinaugurada em 2003, compõe, com a Igreja Matriz São Pedro e o Palácio dos Festivais, um dos cenários mais fotografados na cidade.

Para caprichar nas fotos, a dica é visitar também o parque Alemanha encantada, cuja inspiração veio dos contos dos Irmãos Grimm.

Por lá, há uma vista inédita e privilegiada do Lago Negro, principal ponto turístico da cidade.

Artificial e rodeado de hortênsias, o Lago Negro fica a 1.5 km do centro de Gramado.

Outro lago que vale a visita é o Lago Joaquina Rita Bier. Idealizado por Leopoldo Rosenfeld, o lago tem 17 mil m² e belas araucárias no entorno.

Hora de diversão

A diversão começa na Avenida das Hortênsias, número 5507, no Museu de Cera Dreamland, onde astros do cinema estão distribuídos em 18 cenários temáticos.

GramadoEsse é o primeiro museu a apresentar ícones do cinema e da cultura pop na América Latina.

Aproveite que já está na Avenida das Hortênsias e conheça também as maravilhas do mundo reunidas em réplicas no Parque Temático de Gramado.

Se a intenção é viajar na história de Gramado, a sugestão é ir até o Espaço Cultural Museu do Trem, que narra a trajetória da malha ferroviária da cidade, na rua Viação Férrea, número 165.

Ainda falando de transportes, o Hollywood Dream Cars, na Avenida das Hortênsias, número 4151, é outra atração da cidade.

Já, no subsolo do Museu de Cera de Gramado, fica o Harley Motor Show. O nome já revela: eis aqui o local perfeito para tomar cerveja e apreciar o ambiente rodeado por motocicletas.

A melhor dica para o mês

Gramado em Novembro

A melhor dica para quem viaja em novembro é o espetáculo Bellepoque, que acontece de novembro a janeiro no Wish Serrano, localizado na Avenida das Hortênsias, 1480.

Outro espetáculo que também atrai turistas é o Korvatunturi ou Montanha da Orelha, no Teatro Faurgs. Não se preocupe com datas nesse caso porque há sessões o ano inteiro.

Outro momento encantador na cidade é a decoração natalina, que, em novembro, já dá as suas caras.

A Aldeia do Papai Noel fica dentro do Parque Knorr, o parque com temática natalina.

Esse é o único parque natalino do Brasil, aberto o ano todo para visitação. Nas semanas que antecedem, porém, o Natal, a atmosfera é melhor ainda.

Funciona todos os dias das 09:00 às 17:30. A Aldeia fica no Parque Knorr, na Rua Bela Vista, número 353.

Onde comer em Gramado 

Serra Grill, Cantina di Capo, Casa di Paolo e Josefina Café fazem parte das cozinhas italianas, alemãs e suíças de Gramado.

Os cafés e restaurantes de Gramado são instalados em típicas construções europeias.

O Josefina Café, por exemplo, é puro charme com seus doces e prazos sofisticados.

Já a Cantina di Capo é uma trattoria popular cujo prato que vale a pena é a massa Di Capo.

Restaurantes interessantes estão localizados no Gramadozoo (RS 115, Km 35), no parque da Serra Gaúcha, em funcionamento desde setembro de 2008.

Chama a atenção o restaurante em formato de oca indígena e o crepe “Guabi”. Com uma vista magnífica dos vales, o restaurante do Gramadozoo, tem capacidade para atender mais de 200 pessoas.

Onde ficar em Gramado 

De Gramado, ninguém vai embora sem tomar um café colonial. Bolos, doces, pães, geleia, queijos e põe mais itens na bandeja…

Pelo fato de estarmos a 855 metros acima do mar, um café da manhã caprichado cai bem.

A Pousada Chalés da Montanha é o melhor lugar para se esbaldar nas comidinhas.

É rústico por fora e luxuoso por dentro e fica a três quilômetros do centro de Gramado.

Arborizada com mata nativa, a pousada é puro sossego. O lazer fica por conta da natureza: a pousada dispõe de passeio a cavalo, trilhas ecológicas, área para piquenique, pesca esportiva e bicicletas para passeios.


Que tal Gramado? Deixe seus comentários! Acompanhe nossas publicações.

Publicações Relacionadas



Participe, deixe suas Dúvidas ou Dicas aqui!